quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Em 2011...

"Mude.
Mas comece devagar,
porque a direção é mais importante que a velocidade.
Sente-se em outra cadeira, no outro lado da mesa.
Mais tarde, mude de mesa.
Quando sair, procure andar pelo outro lado da rua.
Depois, mude de caminho, ande por outras ruas,
calmamente,
observando com atenção os lugares por onde você
passa.
Tome outros ônibus.
Mude por uns tempos o estilo das roupas.
Dê os teus sapatos velhos. Procure andar descalço
alguns dias.
Tire uma tarde inteira pra passear livremente na
praia, ou no parque,
e ouvir o canto dos passarinhos.
Veja o mundo de outras perspectivas.
Abra e feche as gavetas e portas com a mão esquerda.
Durma do outro lado da cama...
depois, procure dormir em outras camas.
Assista a outros programas de TV, compre outros
jornais... leia outros livros.
Viva outros romances.
Não faça do hábito um estilo de vida.
Ame a novidade.
Durma mais tarde. Durma mais cedo.
Aprenda uma palavra nova por dia numa outra língua.
Corrija a postura.
Coma um pouco menos, escolha comidas diferentes,
novos temperos, novas cores, novas delícias.
Tente o novo todo dia,
o novo lado, o novo método, o novo sabor, o novo
jeito, o novo prazer, o novo amor, a nova vida.
Tente.
Busque novos amigos.
Tente novos amores.
Faça novas relações.
Almoce em outros locais, vá a outros restaurantes,
tome outro tipo de bebida, compre pão em outra
padaria.
Almoce mais cedo, jante mais tarde ou vice-versa.
Escolha outro mercado... outra marca de sabonete,
outro creme dental...
tome banho em novos horários.
Use canetas de outras cores
Vá passear em outros lugares.
Ame muito, cada vez mais, de modos diferentes.
Troque de bolsa, de carteira, de malas,
troque de carro, compre novos óculos, escrevas outras
poesias.
Jogue fora os velhos relógios,
quebre delicadamente esses horrorosos despertadores.
Abra conta em outro banco.
Vá a outros cinemas, outros cabeleireiros, outros
teatros, visite novos museus.
Mude.
Lembre-se que a vida é uma só.
E pense seriamente em arrumar um novo emprego,
uma nova ocupação, um trabalho mais light, mais
prazeroso,
mais digno, mais humano.
Se você não encontrar razões para ser livre,
invente-as.
Seja criativo.
E aproveite para fazer uma viagem despretensiosa,
longa,
se possível sem destino.
Experimente coisas novas.
Troque novamente.
Mude, de novo.
Experimente outra vez.
Você certamente conhecerá coisas melhores
e coisas piores do que as já conhecidas.
Mas não é isso o que importa.
O mais importante é a mudança, o movimento, o
dinamismo, a energia.
Só o que está morto não muda!"


FELIZ!!!!!
Do autor Edson Marques(Excelente!!!)

sábado, 18 de dezembro de 2010

Mensagem de Natal...


Acreditar que tudo é possível, ter esperanças renovadas para atingir todos os objetivos, ser ainda mais feliz!!!!
A todos um excelente período de festas!!!
Bjo.

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Muito "boas tardes"!!!!

A toda a gente que passar por aqui...
Tá chegando o Natal, o fim do ano, e claro, o início do próximo!!! Então meu povo amado, vamos fazer diferente? Tem montes de motivos mostrando que é impossível não emagrecer nessa época, e existe ao menos um motivo possível pra dizer o contrário. Já pensou no teu?
Pois é, to careca de saber os meus, mas enfio o pé na jaca nas festas... mas não quero mais isso!!!Já falei e escrevi aqui a mesma coisa e fiz diferente, então parei um pouco de escrever, refleti, emagreci e engordei... coisas de uma gorducha sem pé nem cabeça... Mas tem problema não, não dá é pra ficar chorando leite derramado... o que foi, foi... E como li em algum blog por aí... " é tempo de mudar" e não há melhor dia pra escolher que hoje, já que "o ontem fugiu às nossas mãos e o amanhã ainda não veio."
Chega de incertezas, viver é acreditar que é possível ter aquilo que se almeja, do contrário não é vida, é apenas existência!!! O certo, é o agora bem palpável!!!Agindo correto, amanhã será melhor!!!

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Dando as caras...rsrsr

Andei "débil", sentindo uma dorzinha chata abaixo do seio esquerdo, em cima das costelas... fui consultar e o médico sem fazer exame e nada disse: "É tumor, não sei se malígno ou benígno, e mesmo que seja gordura tem que tirar"... putz... imagina o que eu senti? Fiquei louca, tentando ser bem otimista, mas na cabeça rolando de tudo... tipo ser mãe de dois meninos pequenos, eu ir para a terra dos pés juntos e tal...kkkkk... Gente, fiz mamografia pela segunda vez e nada, e o tal "tumor" é sim um lipoma, sem maiores evidências, tanto que o médico que fez o exame nem considerou como "algo". Já fiz exame do abdomem, é... sim... resolvi ver se não tinha mais "motivos" para eu morrer... Nada tão, tão sério assim, mas preciso emagrecer meu fígado, bem como meu "ser" inteiro. Meu fígado está gordo e isso com o tempo pode se tornar muito ruim, evoluir pra algo chato, e é claro... não quero!!!
Entra ano e sai ano e a gente pára no "primo dia" pra pedir, pra fazer simpatia, promessa e tal... então fugirei as minhas regras qto a emagrecer, pois não adiantam promessas, são necessárias ações... Esse ano não planejo sequer comidas bonitas, sobremesas gordas, quero tudo numa normal, gostoso e na medida!
Ano que vem... quero mais atividade, menos ansiedade... paz... e só!!!